POLICIAL

[POLICIAL][threecolumns]

POLÍTICA

[POLÍTICA] [threecolumns]

ANUNCIANTES

COLISÃO FRONTAL NA RIO CLARO/ARARAS DEIXA RASTRO DE DESTRUIÇÃO E MATA UM


Por: Sidney Navas
O Ford Ka ficou completamente destruido com a violência do impacto
Uma colisão frontal entre dois veículos na tarde de ontem, terça-feira (15), resultou na morte do motorista Paulo Nicolino, de 47 anos, natural da Taubaté. A colisão ocorreu na altura do quilômetro 70 da rodovia Wilson Finardi, a SP-191, que liga Rio Claro a Araras.

De acordo com os policiais militares que atenderam a ocorrência, o motorista do caminhão, Lúcio Paes de Camargo, 34 anos, trafegava no sentido leste em direção ao Distrito Industrial de Rio Claro, onde faria o carregamento de resíduos industriais.

Já o motorista do Ford Ka, Paulo Nicolino, vinha no sentido contrário, quando no referido quilômetro aconteceu a violenta batida. O condutor do caminhão sofreu ferimentos leves e foi socorrido pela equipe médica do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) até o Pronto Socorro Municipal Integrado (PSMI) da Avenida 15, onde foi medicado e liberado.

As causas do acidente ainda são desconhecidas e a vítima teve morte instantânea. O veículo ficou totalmente destruído com a força do impacto e virou um monte de ferro retorcido. O caminhoneiro disse aos policiais militares rodoviários que não teve como evitar o acidente.

Várias viaturas da concessionária que administra aquele trecho também estiveram no local do acidente, ajudando os rodoviários a controlar o tráfego de veículos. Peritos da Polícia Civil foram chamados, quando fotografaram o local, recolhendo mais informações. Em seguida eles emitem um laudo apontando possíveis responsabilidades. O trânsito no local ficou prejudicado, já que muitos condutores queriam parar no acostamento para ver o acidente e o automóvel destruído.
ANUNCIE AQUI!
ANUNCIE AQUI!
A N U N C I E A Q U I
ANUNCIE AQUI!