Top Ad 728x90

ANUNCIE AQUI

TV ITIÚBA

16 de janeiro de 2013

Ponto Novo: Perímetro Irrigado vai deixar produtores sem água por tempo indeterminado


Caso não chova nos próximos dias na bacia hidrográfica do rio Itapicuru- Açu, responsável por abastecer a barragem de Ponto Novo, centenas de agricultores vão deixar de cultivar as terras por falta de fornecimento de água. Responsável por expressiva contribuição na economia regional – a interrupção além de comprometer toda lavoura –  pode deixar muitos trabalhadores sem emprego e sem nenhuma outra fonte de renda.

O projeto de irrigação de Ponto Novo produz anualmente 60 toneladas de alimentos e emprega cerca de 6 mil pessoas (direta e indiretamente). Coco, manga, maracujá, melancia, goiaba, abacaxi, tomate são alguns dos produtos cultivados nos 108 lotes do perímetro irrigado.

Pequenos, médios agricultores e a unidade do Sitio Barreiras (grande produtor de bananas do Brasil) são os principais responsáveis pela maior parte das plantações que serão afetadas com a interrupção das atividades no perímetro irrigado. Conforme recente conversa entre representantes do Governo Estadual com os agricultores de Ponto Novo, o fornecimento de água será cortado para as plantações no final do mês de janeiro.
A água, que chega até os lotes pelos canais de irrigação já vem sofrendo um severo racionamento; apenas quatro horas de vazão está sendo liberada diariamente (das 7h às 11h), prejudicando seriamente o crescimento de muitos cultivos em toda área irrigada. A suspensão do abastecimento está deixando muitos agricultores desesperados.  “Nunca pensei isto na minha vida. É uma dificuldade, eu não sei como a gente vai sobreviver se não tiver água pra plantação”. Disse entristecido o senhor João José nascimento, proprietário de um lote no perímetro de irrigação.
Segundo informações da Companhia de Engenharia Ambiental e Recursos Hídricos da Bahia (CERB), o reservatório inaugurado em 1999, tem capacidade de acumular 40 milhões de metros cúbicos de água, mas atualmente está reduzido para apenas 15% do seu volume. A prioridade com a suspensão de água para o projeto de irrigação e postergar o uso para o consumo humano.

Falandotudo.com – Novo site de noticias da região de Senhor do Bonfim

0 Comentários:

Postar um comentário

COMENTE AQUI!!!

Top Ad 728x90