Top Ad 728x90

TV ITIÚBA/ITIUBENSE

11 de julho de 2014

POLICIAL: POLICIA CIVIL DE BONFIM PRENDE UM DOS ENVOLVIDOS NA MORTE DO PROFESSOR EDIGAR


Desde o último dia 21 de junho a Policia Civil de Senhor do Bonfim vinha investigando o assassinato do professor de capoeira EDIGAR, que foi morto de forma covarde quando saía da casa de sua mãe, na Rua Professor Pedro Augusto de Oliveira, Bairro do Derba, por volta de 00h20min.

Na ocasião Edigar foi atingido por disparos de arma de fogo, que lhe tiraram a vida. De imediato a Policia Civil de Bonfim, representado na pessoa do Coordenador Felipe Neri, iniciou o levantamento de elementos para descobrir os autores, e logo se chegou as informações de uma briga entre dois grupos em uma festa na cidade, foi solicitado as imagens do circuito da festa, e percebido a presença de pessoas que envolvidas na confusão e que agora estão sendo procuradas pela policia de Bonfim.

De acordo com o Delegado Felipe Neri (Coordenador da 19ª) e Drª. Antônia Jane, (Titular da Delegacia Territorial), estão envolvidos diretamente no homicídio e com mandados de prisão decretados pela Justiça as seguintes pessoas:

Nesta sexta-feira a policia prendeu em sua casa Rogerinho, que encontra-se custodiado na delegacia de Bonfim, e os demais a policia está considerando foragidos da justiça.
ROGÉRIO DA SILVA CARVALHO FONTES - "Rogerinho"
DIEGO ONOFRE DE MIRANDA TERRA NOVA - "Dieguinho"
MURILO XISTO FREITAS - "Murilo"
CRISTIANO TERRA NOVA - "Baíga"
PAULO TERRA NOVA - "Paulinho"
SAMARA REIS.
"Nós fizemos o levantamento e vimos que inicialmente Rogerinho estava em um Pálio de cor prata, junto com o Diego, o Paulinho e a Samara, fizeram o levantamento da casa do Edigar, após esse levantamento eles trocaram o Pálio prata por um carro preto, um Corsa Heart com roda de liga leve, nesse momento a Samara já não estava no carro preto, só os demais elementos que foram a casa de Edigar, aguardaram o momento em que a vitima saía de casa para ir ao circuito da festa, eles abordaram e executaram a vitima", disse Dr. Felipe.

De acordo com informações da policia, tudo iniciou ainda na festa particular que acontecia na cidade, quando Murilo tentou beijar a força uma jovem do grupo de Edigar, a jovem recusou e jogou cerveja em Murilo, dando inicio a discussão.


Maravilha Notícias
Fotos: 19ª Coorpin

0 Comentários:

Postar um comentário

COMENTE AQUI!!!

Top Ad 728x90