POLICIAL

[POLICIAL][threecolumns]

POLÍTICA

[POLÍTICA] [threecolumns]

ANUNCIANTES

PIXULECO: Ex-ministro José Dirceu é preso na 17ª fase da Lava Jato


A Polícia Federal (PF) deflagrou nesta segunda-feira (3), a 17ª fase da Operação Lava-Jato. Foram presos o ex-ministro da Casa Civil José Dirceu, na casa onde mora, em Brasília, o irmão dele Luiz Eduardo de Oliveira e Silva, o ex-assessor de Dirceu, Roberto Marques, o dono da empresa de informática Consist, Pablo Kipersmit, entre outros. Dirceu foi levado para a superintendência da Polícia Federal em Brasília e deve ser transferido para Curitiba. 

São cumpridos 40 mandados judiciais, sendo três de prisão preventiva, cinco de prisão temporária, 26 de busca e apreensão e seis de condução coercitiva, quando a pessoa é obrigada a prestar depoimento.Também foram decretados o sequestro de imóveis e bloqueio de ativos financeiros.

Até o momento foram presas as seguintes pessoas, de acordo com a PF: José Dirceu, ex-ministro da Casa Civil e dono da JD Consultoria; Luiz Eduardo de Oliveira e Silva, sócio da JD Consultoria;  Roberto Marques, ex-assessor; Fernando de Moura; Olavo de Moura; Pablo Kipersmit.

A operação foi batizada de Pixuleco, em alusão ao termo utilizado para nominar propina recebida de contratos.

De acordo com a Polícia Federal, esta fase da operação se concentra no cumprimento de medidas cautelares em relação a pagadores e recebedores de vantagens indevidas e “laranjas” utilizados nas transações.

Entre os crimes investigados estão corrupção ativa e passiva, formação de quadrilha, falsidade ideológica e lavagem de dinheiro. Cerca de 200 policiais cumprem mandados em Brasília, Rio e São Paulo.

Dirceu cumpria prisão domiciliar por condenação no mensalão. O mandado contra ele é de prisão preventiva – por tempo indeterminado. Já Luiz Eduardo de Oliveira e Silva foi detido em Ribeirão Preto (SP) e cumprirá prisão temporária, que tem duração de 5 dias.

Roberto Podval, advogado que representa José Dirceu, afirmou que primeiro vai entender as razões que levaram à prisão do ex-ministro da Casa Civil para depois se posicionar.

De acordo com a assessoria da Superintendência da PF em Brasília, Dirceu deverá ser encaminhado para Curitiba, onde estão os demais presos da Lava Jato, ainda nesta segunda-feira.

ANUNCIE AQUI!
ANUNCIE AQUI!
A N U N C I E A Q U I
ANUNCIE AQUI!