Últimas

Bolsonaro diz que todo “cearense é cabeçudo”


O presidente Jair Bolsonaro disse neste sábado (4) que "todo cearense é cabeçudo". "Chamar de cearense cabeçudo, você não identifica ninguém, lá todo mundo é cabeçudo", afirmou em vídeo gravado para o evento de filiação organizado pelo Aliança pelo Brasil em Fortaleza (CE).

A fala do presidente aos apoiadores em Fortaleza foi transmitida em live no Facebook de Bolsonaro (a partir do minuto 10). O presidente também agradeceu ao estado e afirmou que foi um dos primeiros locais onde foi recebido por uma multidão de simpatizantes em aeroporto em julho de 2016.

"Acho que foi primeiro estado que tivemos grande recepção em aeroporto. Tudo começou por aí, se não me engano, um dos grandes articuladores disso acho que foi Alex Ceará, um cara cabeçudo. Se bem que chamar cearense de cabeçudo você não consegue identificar ninguém, lá todo mundo é cabeçudo", disse.

O presidente também prometeu visitar a cidade de Crateús, distante 284 quilômetros de Fortaleza, e terra natal do pai da primeira-dama Michele Bolsonaro.

"Tenho compromisso com a minha filha porque ela tem sangue de cabra da peste de Crateús e ela agora fez 9 anos, entende bastante as coisas, indo ao Ceará pretendo levá-la e conhecer Crateús. Fui capturado pelos cabras da peste através da minha esposa, quando comecei a namorar com ela não queria saber se era cearense, gaúcha, paulista, não queria saber do time de futebol, religião, estava de olho nela", afirmou.



Bolsonaro também comentou a crise de segurança pública no estado em janeiro de 2019 e narrou de forma elogiosa diálogo com o governador Camilo Santana (PT-CE): "Conversei algumas vezes com o governador do Ceará, uma conversa muito tranquila, amigável. Foi mandada em momentos de crise a Força Nacional de Segurança. Obviamente teve o trabalho do governador também. Não sou a pessoa que sempre vai atacar do outro lado, teve a participação dele também e os índices de violência melhoraram no Ceará".

A fala sobre os cearenses não foi a primeira referência preconceituosa de Bolsonaro a nordestinos. Em julho de 2019, governadores da Região cobraram explicações após o presidente falar em café com jornalistas de veículos estrangeiros que restringiria recursos a estados do Nordeste.

O áudio da TV Brasil, emissora administrada pelo governo e que transmitiu o evento com a imprensa, não permite ouvir claramente a fala, mas é possível entender que Bolsonaro fala "governadores de Paraíba" e que "o pior é o de Maranhão. Não tem que dar nada para esse cara".
 
Compartilhado de Congresso em Foco:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

COMENTE AQUI!!!