O Governo da Bahia, através da Secretaria de Justiça, Direitos Humanos e Desenvolvimento Social (SJDHDS), vai executar uma nova meta estadual do Programa de Aquisição de Alimentos (PAA). A nova proposta (2020/2021) contemplará 75 novos municípios com compra e doação simultânea de alimentos advindos da Agricultura Familiar. As orientações para os municípios foram prestadas nesta terça-feira (01), em uma reunião virtual promovida pela Superintendência de Inclusão e Segurança Alimentar (Sisa/SJDHDS). 

Sendo a primeira reunião para tratar especificamente desta nova proposta, a superintendente da Sisa/SJDHDS, Rose Pondé, apresentou um panorama histórico do programa e ressaltou como o PAA tem se firmado como uma política pública cada vez mais necessária no acesso a alimentação saudável e nutritiva, ao tempo em que garante renda para milhares de famílias do campo. 

“O PAA nasce com a estratégia fome zero para garantir uma alimentação saudável às famílias em situação de extrema pobreza. Nesta mesma linha, o programa beneficia aqueles que mais precisam, os agricultores que tem mais dificuldade de comercializar seus produtos nos circuitos privados por preços justos. Portando, é um programa de inclusão e desenvolvimento social, que precisa ser executado e ampliado com muita qualidade nos municípios baianos”, avaliou Rose Pondé. 

Outros pontos também foram abordados na reunião, como logística para compra e entrega dos produtos; acompanhamento e avaliação da meta; estrutura e equipamentos das Centrais de Abastecimento do programa; entre outros. 

O coordenador estadual do PAA, Gustavo Machado, também participou da reunião de alinhamento.

Acompanhe a SJDHDS nas redes: FacebookTwitter, FlickrInstagram e YouTube.

Assessoria de Comunicação

Tel.: (71) 3115-9882 / 3115-3849

www.justicasocial.ba.gov.br