Top Ad 728x90

More Stories

TV ITIÚBA/ITIUBENSE

21 de julho de 2017

Otoney Dantas Representante da Imprensa Amadora Agradece Homenagem de Reconhecimento Pela Organização de Campeonato em Filadélfia/Ba .

by
 (Foto: No Giro Da Bola)
Ao meu Deus, quero tributar, toda honra e glória por ter sido homenageado, entre as pessoas que receberam esta honra na final do Campeonato Regional, Campeonato este que aconteceu no Estádio Municipal de Filadélfia. A comissão da organização do campeonato liderada pelo organizador do campeonato, o senhor Valdir,  achou por bem me escolher, para representar a Imprensa Regional. Aqui deixo os meus sinceros agradecimentos a todos vocês, que tem me dado a confiança, de estar acreditando em meu trabalho, reconheço que não sou um profissional da imprensa, pois,  não tenho formação e bem muito menos registro de tão grande profissão, mas, não nego que tenho esta vocação e procuro da o meu melhor mesmo sendo um reporte amador. Que venha mais homenagem, para este que vos fala, pois, será muito bem vinda! Obrigado ao senhor Valdir e toda sua equipe, que fez este brilhante campeonato regional, aqui em Filadélfia Bahia! Obrigado  a todos os grupos das redes sociais, dedico esta homenagem a todos vocês!

Otoney Dantas

Justiça determina novo bloqueio de R$ 9 milhões em aposentadoria de Lula

by
O juiz Sérgio Moro, da 13ª Vara Federal de Curitiba (PR), determinou nesta quinta-feira (20) o bloqueio de R$ 9 milhões de planos de previdência privada do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.
O dinheiro está em duas contas da BrasilPrev — uma em nome do próprio Lula e outra no nome da LILS, a empresa usada pelo petista para dar palestras.
Em uma das contas, que se trata de um "Plano Empresarial - Brasilprev Pequena Empresa II, na modalidade VGBL" e está no nome da LILS, existe um montante de R$ 7.190.963,75. Esse dinheiro, de acordo com o documento divulgado pela própria BrasilPrev, foi depositado em "aporte único, em 06/06/2014".
O segundo plano de previdência também se trata de um VGBL, mas é individual e está no nome do próprio Lula. Nesta conta, o ex-presidente tem um montante de R$ 1.848.331,34. Juntas, as duas contas totalizam R$ 9.039.025,09.
Na última quarta-feira (19), Lula foi alvo de outro sequestro de bens, também ordenado por Moro e sob responsabilidade do BC (Banco Central). A autoridade bloqueou R$ 606.727,12 das contas do ex-presidente.
O confisco de recursos foi realizado em quatro contas do ex-presidente. Foram bloqueados R$ 397.636,09 de uma conta no Banco do Brasil, R$ 123.831,05 da Caixa Econômica Federal, R$ 63.702,54 do Bradesco e R$ 21.557,44 do Itaú.
Moro confiscou também três apartamentos, um terreno e dois veículos (Ford Ranger 2012/2013 e Chevrolet Omega 2010) de propriedade do petista. 
Na semana passada, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva foi condenado a 9 anos e 6 meses de prisão pelos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro no âmbito da Lava Jato.

Governo sobe tributo sobre combustíveis e litro da gasolina deve ficar R$ 0,41 mais caro

by
Foto: Marcos Santos/USP Imagens
O governo anunciou nesta quinta-feira (20) o aumenta da tributação sobre os combustíveis e um bloqueio adicional de R$ 5,9 bilhões em gastos no orçamento federal. Nota divulgada pelos ministério da Fazenda e do Planejamento no fim da tarde desta quinta informa que será elevada a alíquota de PIS e Cofins sobre os combustíveis. De acordo com a equipe econômica, o aumento da tributação sobre os combustíveis irá gerar, durante o restante do ano de 2017, uma receita adicional de R$ 10,4 bilhões para o governo federal. Com a alta de tributos, o governo quer elevar a sua arrecadação. Já com o bloqueio, pretende reduzir ainda mais os gastos públicos. O objetivo das medidas é cumprir a meta fiscal de 2017, fixada em um déficit (despesas maiores que receitas) de R$ 139 bilhões. A conta não inclui as despesas com pagamento de juros da dívida pública. O aumento da tributação representará, segundo informou o governo, uma alta de R$ 0,41 por litro de gasolina, de R$ 0,21 por litro de diesel.

Fonte G1 Brasilia

16 de julho de 2017

ITIÚBA: SUPLENTE DE VEREADOR EDMÍLSON ALVES (PPS) É RECEBIDO PELO PRESIDENTE DA CÂMARA DE VEREADORES DE SALVADOR

by

O suplente de vereador Edmílson Alves (PPS) do município de Itiúba, localizado no norte da Bahia, foi recebido na última segunda-feira (10/07) pelo então vereador e presidente do Legislativo soteropolitano Léo Prates do DEM, onde o radialista e suplente de Itiúba teve a oportunidade de fazer um tur por setores da sede da Câmara de Vereadores de Salvador junto com o vereador Léo Prates, que logo após, se dirigiram ao Gabinete Presidencial para conhecer a equipe que o assessora na Câmara da capital baiana. Nesta oportunidade, o vereador Léo Prates falou de suas ações na direção da Câmara, das ações do governo federal em conjunto com o governo municipal em Salvador, e que vem sendo bem administrada pelo melhor prefeito das capitais do país, ACM Neto, líder do DEM na Bahia e pré-candidato ao Governo do Estado em 2018. O vereador falou também, da conquista de uma verba de 8 milhões de reais junto ao Governo Federal para a reforma do prédio da Câmara de Vereadores, que será a realização de um sonho dele em ver todo Prédio Legislativo modernizado, falou que esteve em Brasília recentemente em busca de um Canal da Rádio Câmara para divulgar as ações do poder legislativo de Salvador. Quando foi questionado sobre a parceria entre o Legislativo e o executivo na capital, o mesmo se encheu de orgulho e afirmou que tem uma parceria forte com a prefeitura, e que o prefeito ACM Neto é um gestor nato, moderno e que tem visão para construir uma cidade melhor. Logo mais no plenário da Câmara de Salvador, estava ocorrendo um debate e discussão sobre o Projeto de Desafetação de terrenos em Salvador e que é de grande importância para a capital baiana. O vereador Léo Prates agradeceu a visita da liderança do município de Itiúba Edmílson Alves, e afirmou para o mesmo que Ele e a sua assessoria estão à disposição do município de Itiúba para o fortalecimento das parcerias que venham beneficiar a capital e o interior do estado. E afirmou também que em breve, estará agendando um encontro com o prefeito ACM Neto, o vereador Léo Prates e com o suplente de vereador Edmílson Alves em Salvador.

O suplente de vereador Edmílson Alves, informou que nos próximos dias, o vereador Léo Prates, estará lhe concedendo uma entrevista no Programa Pressão Popular, que é líder em audiência no município e apresentado pelo mesmo, na Rádio Abelha Dourada Fm. E que nesta ocasião foi convidado pelo vereador para se filiar ao DEM, onde o mesmo afirmou que iria analisar a proposta com seu grupo político no interior e que depois daria uma resposta ao mesmo.

RENILSON RAMOS

7 de julho de 2017

Jovem suspeito de furto tem mão cortada por traficantes e é morto em seguida com pedradas e tiros

by

Na tarde desta última quinta-feira (29) um jovem de 19 anos foi brutalmente assassinado por traficantes na rua Porto Alegre, no bairro Tancredo Neves em Salvador. De acordo com a Polícia Militar, o indivíduo identificado como Gabriel Santos foi acusado pelos traficantes de ter furtado pedestres em uma região dominada pelo tráfico. Segundo informações, os criminosos pegaram Gabriel na porta de sua residência, o levaram até a localidade conhecida como Alto do Macaco, cortaram a mão do jovem e logo após o mataram com várias pedradas e cerca de 20 disparos de arma de fogo. O crime está sendo investigado pelo Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) da região.

Repórter Cidades/Plantão PolicialJerry Mesquita
WhatsApp(64) 9 9297-8263

O INDIVÍDUO FOI IDENTIFICADO COMO GABRIEL SANTOS
O JOVEM TEVE A MÃO DECEPADA PELOS TRAFICANTES

Fonte:

MENOR MATA ACIDENTALMENTE PRIMO DE OITO ANOS COM TIRO DE ESPINGARDA NA ZONA RURAL DE ITIÚBA

by

Um menor de 10 anos atingiu acidentalmente com um tiro outra criança de 8 anos, na manhã desta sexta-feira (07), na Fazenda Coxo, zona rural de Itiúba. A criança morreu no local.

O incidente aconteceu quando o autor dos disparos portava uma espingarda, na companhia do outro menor que ainda era primo, na referida Fazenda Coxo, que fica localizada há 18 km de distancia do Distrito de Piaus, o ocorrido segundo moradores, foi há aproximadamente 100 metros das residências dos menores, onde seguiam juntos com o objetivo de caçar na localidade, segundo informações de populares. A arma seria do pai do garoto que realizou o disparo.


Portal Itiúba.Net - com informações de Renilson Ramos

Corpo de idoso é encontrado perto de lixão às margens da BA-120, em Queimadas; suspeita é de atropelamento

by
Suspeita inicial é que idoso tenha sido atropelado | Foto: Notícias de Santaluz
O corpo de um homem identificado como Amadeu Alves da Conceição, de 69 anos, mais conhecido como ‘Cabelinho’, foi encontrado às margens da BA-120, em Queimadas, no início da manhã desta quinta-feira (6). Segundo a Polícia Militar, populares encontraram o corpo próximo ao lixão quando passavam pelo local. O idoso, que residia no bairro da Ponte Nova, estava com escoriações pelo corpo. Testemunhas relataram que, na noite de quarta-feira (5), ele foi visto em um bar na comunidade de Jacurici. A suspeita inicial é que ele tenha sido atropelado. Entretanto, a causa da morte será apontada em um laudo. O corpo foi encaminhado ao Departamento de Polícia Técnica de Senhor do Bonfim, onde será periciado. A Polícia Civil investiga o caso.

Notícias de Santaluz

Operação da PF investiga vazamento de informações sob sigilo no Tribunal de Justiça da Bahia

by
Operação da PF investiga vazamento de informações sob sigilo no Tribunal de Justiça da Bahia | Foto: Mauro Anchieta/TV Bahia

A Polícia Federal deflagrou na manhã desta sexta-feira (7) uma operação que tem como objetivo investigar o vazamento de informações sob sigilo no Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA). Conforme a PF, a Operação Vortigern, ocorreu por determinação do Ministro Og Fernandes, do Superior Tribunal de Justiça. Segundo o G1, a polícia informou ainda que estão sendo cumpridos três mandados de busca e apreensão e quatro conduções coercitivas, na região metropolitana de Salvador. A PF não deu mais detalhes do caso, como as cidades onde estão sendo cumpridas as determinações, nem se a operação já foi finalizada.

PM é preso após ser flagrado roubando agência bancária

by

Seis homens foram presos em flagrante após invadirem uma agência bancária em Iguape, no Vale do Ribeira, interior de São Paulo, nesta quarta-feira (5). Um dos suspeitos é policial militar, locado na Grande São Paulo. Ele foi levado para a Corregedoria da corporação.

Segundo a Polícia Militar, a quadrilha invadiu o imóvel após serrar a grade de uma janela nos fundos do banco. Assim, o grupo conseguiu acessar os cofres e os caixas eletrônicos.

Os criminosos chegaram a abrir um dos cofres, mas só encontraram documentos e as armas dos vigias. Partiram, então, para o segundo, que continha o dinheiro. A ação só não foi concluída porque a PM chegou, após ser acionada por um segurança, que foi avisado por meio do sistema de monitoramento da agência.

Um dos cofres não foi totalmente aberto pela quadrilha (Foto: Reprodução/TV Tribuna)
Um dos cofres não foi totalmente aberto pela quadrilha

Dos seis homens detidos, quatro são de São Paulo e dois de Joinville (SC). Um deles foi identificado como o cabo PM Afonso de Morais Junior, que atua no município de Embu das Artes, na Região Metropolitana de São Paulo. Ele negou envolvimento com o grupo. Um outro integrante da quadrilha já possuía passagem na polícia pelo mesmo crime.

Eles estavam divididos em três carros, que foram apreendidos. Também foram localizados diversos equipamentos elétricos, ferramentas, alicates para cortar cadeados, cordas e barras de ferro. Todo o material foi encaminhado, juntamente com os suspeitos, para a Delegacia Sede da cidade, onde o caso foi registrado.

Por meio de nota, o Comando de Policiamento do Interior 6 (CPI-6) informou que o agente foi recolhido à Corregedoria da Polícia Militar. A Polícia Civil local atuou com ações de Polícia Judiciária, para apurar as ações da quadrilha e seu possível envolvimento com outros crimes na região ou outros locais do estado.

Quadrilha serrou grade de janela para entrar na agência (Foto: Reprodução/TV Tribuna)
Quadrilha serrou grade de janela para entrar na agência

Várias ferramentas foram apreendidas (Foto: Reprodução/TV Tribuna)
Várias ferramentas foram apreendidas

Cofre aberto tinha documentos e armas (Foto: Reprodução/TV Tribuna)
Cofre aberto tinha documentos e armas

Portador do HIV que fazia sexo sem camisinha se apresenta à Justiça

by
O empresário Renato Peixoto Leal Filho, 43, denunciado por lesão corporal gravíssima por tentar contaminar parceiras sexuais com o vírus HIV, apresentou-se na segunda-feira (3) à Justiça. Ele fazia sexo sem preservativo mesmo sabendo-se portador do vírus e só depois informava suas condições às mulheres. O caso veio à tona há dois anos, quando uma das vítimas procurou a polícia para denunciá-lo.

Em seguida, outra mulher prestou depoimento relatando o mesmo fato. Elas disseram que ele marcava encontros via redes sociais com mulheres e depois as convencia a ter relações sem proteção. Dizia que queria "marcar a vida" da parceira.

Em entrevista ao jornal carioca Extra, o empresário afirmou ser soropositivo e ter transmitido a doença para duas ex-companheiras, mas negou que tenha feito sexo sem preservativo com o intuito de infectar a parceira.

Existe um mandado de prisão preventiva contra ele expedido em 30 de maio. Mas o empresário não foi encontrado e passou a ser considerado foragido. A defesa de Leal recorreu e teve seu pedido negado.

Acompanhado por seu advogado, ele foi nesta segunda-feira (3) ao cartório da 19ª Vara Criminal da capital, durante o expediente forense.

O cartório, então, orientou o empresário a comparecer à 5ª Delegacia de Polícia, no centro, para que de lá ela seja encaminhado ao sistema penitenciário. Nesta quinta-feira (6), está agendada audiência de instrução e julgamento do caso, com a sua presença.

Fonte: Uol Notícias

5 de julho de 2017

Na Papuda, Geddel teve cabelo cortado e divide cela com nove presos

by


O ex-ministro Geddel Vieira Lima começou nesta terça-feira (4) a se adaptar a um novo estilo de vida. No presídio da Papuda, em Brasília, ele divide a cela com outros nove detentos. Segundo a Folha de S. Paulo, a Secretaria de Segurança Pública (SSP) do Distrito Federal informou que ele também teve o cabelo cortado, mas não ficou careca. A cela conta com quatro treliches e coloca à disposição dos presos chuveiro com água fria e um espaço para necessidades fisiológicas. Geddel divide a cela com presidiários que já concluíram o ensino superior e tem direito a duas horas de banho de sol. O ex-ministro foi preso por suspeita de atrapalhar as investigações da Operação Cui Bono, que apura um esquema de recebimento de propina na Caixa Econômica Federal.

Bahia Noticias

3 de julho de 2017

Ex-ministro Geddel Vieira Lima é preso pela PF na Bahia

by
Felipe Amorim, Gustavo Maia e Luciana Amaral
Do UOL, em Brasília 03/07/2017

O ex-ministro Geddel Vieira Lima (PMDB) foi preso pela Polícia Federal nesta segunda-feira (3), na Bahia, Estado onde mora. A prisão foi determinada pela Justiça Federal de Brasília, e está ligada às investigações da Operação CuiBono?.
A operação investiga irregularidades na liberação de créditos da Caixa, banco estatal no qual Geddel ocupou a Vice-presidência de Pessoa Jurídica (2011-2013). Geddel foi ministro da Secretaria de Governo de Temer. As investigações da Polícia Federal e do MPF (Ministério Público Federal) apontam que Geddel e o ex-deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ) atuaram na liberação de ao menos R$ 1,2 bilhão em empréstimos para empresas, em troca de propina.
O pedido de prisão preventiva, apresentado pela Polícia Federal e pelo Ministério Público Federal, acusa Geddel de atuar para atrapalhar investigações em andamento, ao tentar evitar que o ex-deputado Eduardo Cunha e o corretor Lúcio Funaro firmassem um acordo de delação premiada.
Além da prisão preventiva, a Justiça também autorizou a quebra dos sigilos fiscal, bancário e telemático de Geddel. Diferentemente da quebra do sigilo telefônico (que permite a interceptação das conversas), o levantamento do sigilo telemático permite o acesso ao registro das ligações efetuadas, mensagens e e-mails.
A investigação teve origem na análise de conversas registradas em um aparelho de telefone celular apreendido na casa do então deputado Eduardo Cunha. O teor das mensagens indicam que Cunha e Geddel atuavam para garantir a liberação de recursos por vários setores da CEF a empresas que, após o recebimento, pagavam vantagens indevidas aos dois e a outros integrantes do esquema, entre eles Fábio Cleto. Cleto, que ocupou por indicação de Eduardo Cunha a vice-presidência de Fundos de Governo e Loterias, foi quem forneceu as primeiras informações aos investigadores. Em meados do ano passado, ele fechou acordo de colaboração premiada com a Procuradoria-Geral da República.
O pedido de prisão foi baseado em depoimentos recentes do corretor Lúcio Funaro e dos delatores Joesley Batista, um dos donos do grupo J&F, e do diretor jurídico do J&F, Francisco de Assis e Silva.
A ordem de prisão partiu do juiz da 10ª Vara Federal de Brasília Vallisney de Souza Oliveira.
O UOL entrou em contato com o advogado de Geddel, Gamil Föppel, por telefone, e-mail e por Whats App, mas ainda não obteve resposta.

Geddel era homem-forte de Temer no governo

Geddel Vieira Lima era ministro da Secretaria de Governo do governo Michel Temer até o final do ano passado. Em 25 de novembro, ele pediu demissão de Salvador por meio de carta enviada por e-mail ao presidente.
Dentro do Planalto, Geddel era um dos auxiliares mais próximos de Temer, junto ao ministro da Casa Civil, Eliseu Padilha (PMDB), e ao ministro da Secretaria-Geral da Presidência, Moreira Franco.
Reprodução
Carta de demissão de Geddel Vieira Lima
Geddel foi acusado pelo ex-ministro da Cultura Marcelo Calero de ter pressionado a liberação de uma obra no centro histórico da capital baiana. Ele é dono de um apartamento que está sendo construído no local e cuja construção havia sido embargada pelo Iphan (Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional), que responde ao Ministério da Cultura. Por discordar da atitude de Geddel, Calero pediu demissão uma semana antes da saída do peemedebista.
O escolhido para substituir Geddel foi Antonio Imbassahy (PSDB).
Segundo assessores do governo, Geddel esteve no Planalto há cerca de um mês e meio. Na ocasião, ele visitou o presidente Temer, o ministro Padilha, cumprimentou ex-colegas e ainda passou na Câmara, onde conversou com deputados.
No dia 8 do mês passado, Geddel se manteve em silêncio durante depoimento à Polícia Federal, em Salvador, no âmbito do inquérito que investigou se o presidente Michel Temer cometeu os crimes de corrupção passiva, organização criminosa e obstrução de Justiça. Para justificar o comportamento, seu advogado, Gamil Föppel, alegou  "curtíssimo lapso temporal" a partir da intimação, feita dois dias antes da data da oitiva.
Até o início da tarde desta segunda-feira, o Planalto comemorava um certo arrefecimento na crise política com a volta do senador Aécio Neves (PSDB-MG) ao Senado e a libertação do deputado e ex-assessor de Temer Rodrigo Rocha Loures (PMDB-PR). Nas palavras de um auxiliar, estavam felizes pois, após semanas de novas acusações, não havia aparecido "nenhum fato novo" que agravasse ainda mais a situação do presidente.
A prisão vem na semana em que a denúncia contra Temer começa a tramitar na CCJ (Comissão de Constituição e Justiça) da Câmara.
Segundo o assessor, ainda é cedo para se falar em uma eventual delação premiada, mas a prisão de Geddel preocupa pela proximidade que ele sempre teve com Michel Temer, Eliseu Padilha e os integrantes do PMDB.
Outro fator que preocupa o Planalto é o fato de Geddel ser muito próximo de Eduardo Cunha e Henrique Eduardo Alves, ambos também do PMDB e presos pela Lava Jato.
Geddel é o segundo ex-ministro do governo Temer a ser preso. Há menos de um mês, no dia 6 de junho, a Polícia Federal prendeu o ex-presidente da Câmara dos Deputados Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN), que foi comandou o Ministério do Turismo por pouco mais de um mês.
FONTE:

28 de junho de 2017

Por causa da seca em Itiúba, produtor adapta suporte com madeira e cordas para sustentar vaca debilitada

by
Açude secou com estiagem prolongada em Itiúba | Foto: José dos Santos/Arquivo pessoal
Criadores de gado de Itiúba, na região norte da Bahia, enfrentam dificuldades para manter os animais vivos por conta da seca prolongada que atinge a região. Com a cidade em situação de emergência com a seca, um dos produtores rurais só consegue manter uma das vacas que cria em pé sustentada por um suporte de madeira com cordas. Com a estiagem, os pastos e açudes ficam secos e o gado não encontra água para beber e nem alimento – alguns têm somente palma para comer. Assim, os animais ficam bastante debilitados e muitos sequer conseguem se sustentar sozinhos em pé
Açude secou com estiagem prolongada em Itiúba | Foto: José dos Santos/Arquivo pessoal
Açude secou com estiagem prolongada em Itiúba | Foto: José dos Santos/Arquivo pessoal

Itiúba é um dos 212 municípios baianos que estão em situação de emergência pela seca, conforme a Superitendência de Proteção e Defesa Civil (Sudec). Conforme o órgão, mais de 4 milhões de pessoas são afetadas, 36 mil somente em Itiúba. Os decretos de emergência permitem que as prefeituras solicitem apoio da Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil (Sedec) para ações de socorro e assistência à população, restabelecimento de serviços essenciais e recuperação de áreas atingidas.

Fonte:

CNMP aplica pena de demissão a promotor de Justiça da Bahia acusado de estupro e de assédio sexual

by


O paradeiro do promotor de Justiça Almiro Sena Soares Filho, acusado de assédio sexual quando era secretário estadual de Justiça, é desconhecido pelo Judiciário baiano. Um despacho do desembargador e relator Mário Alberto Hirs publicado no Diário da Justiça no último dia 22 relata dificuldades dos oficiais de Justiça em intimar o acusado para dar prosseguimento à ação.
"O réu foi procurado por diversas vezes em sua residência a fim de ser intimado pessoalmente de atos processuais, tendo, em todas elas, sido infrutífera a ação dos Oficiais de Justiça, que nunca encontraram o denunciado e nem obtiveram informações sobre seu paradeiro, até mesmo com familiares seus", narra o magistrado.
Mário Hirs considera que é "forçoso" concluir, nessas circunstâncias, que o réu mudou de domicílio. O imóvel em que o promotor residia se encontra sob oferta de aluguel, no entanto, o desembargador ressalta que a possível mudança de endereço de Almiro Sena não foi comunicada à Justiça.
Diante da frustração das tentativas de intimação, o relator determinou que o processo continue "sem que seja necessária" a intimação pessoal do acusado.

Oito vereadores têm prisão preventiva decretada em Itarema (CE)

by

O Ministério Público do Estado do Ceará (MPCE), a partir da Promotoria de Justiça de Itarema e do Grupo de Atuação Especial de Combate às Organizações Criminosas (GAECO), deflagrou na manhã desta quarta-feira (28),a 2ª fase da “Operação Fantasma”, que investiga os crimes de estelionato, falsidade ideológica, falsidade de documento particular e peculato na Câmara Municipal de Itarema, distante 220 km da Capital. De um total de 13 vereadores, a Justiça decretou a prisão de oito.

Com o apoio de equipes da Polícia Civil e da Coordenadoria de Operações da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), foram cumpridos 19 mandados de busca e apreensão, 32 de condução coercitiva e nove de prisão preventiva, sendo oito dos vereadores João Vildes da Silveira, Magno César Gomes Vasconcelos, Leandro Oliveira Couto, José Ubideci dos Santos Santana, João Gomes da Costa, Daniela Souza de Matos, Roberto Diniz Costa, José Everardo Marques Alves, e também da diretora de Recursos Humanos da Câmara dos Vereadores, Maria José Carneiro Rios. Além das prisões, foi decretado pela Justiça de Itarema o afastamento dos nove vereadores e da diretora, além de outros servidores da Casa Legislativa Municipal.

Entenda

A investigação teve início após denúncias de uma pessoa que se sentiu prejudicada por não conseguir receber benefício previdenciário em razão de um suposto vínculo com a Câmara, até então desconhecido pela vítima. Iniciou-se então a investigação da contratação de servidores fantasma pela Câmara Municipal.

Como resultado das investigações iniciais, a Justiça já havia decretado busca e apreensão de documentos, como livros de pontos, que comprovaram que várias pessoas haviam sido contratadas pela Câmara Municipal e recebiam salários sem comparecer ao prédio do legislativo municipal. Enquanto uns eram obrigados a repassar parte de seus vencimentos aos vereadores, outros prestavam serviços sem nenhum vínculo formal com a Câmara, geralmente para mascarar a existência de nepotismo (contratação de parentes). Estes últimos recebiam os vencimentos em espécie e diretamente das mãos de representantes legislativos na própria Câmara dos Vereadores.

Além dos promotores de Justiça de Itarema e do GAECO, compuseram as equipes de investigação os membros do MPCE de Cruz e de Morrinhos. Os membros do Ministério Público Estadual ouvirão os suspeitos conduzidos coercitivamente durante todo o dia e estima-se que as denúncias contra os investigados sejam apresentadas à Justiça nos próximos dias, tão logo seja examinado o material apreendido. A 1ª fase da “Operação Fantasma” aconteceu em abril de 2017.


Com informações da Assessoria de Comunicação do MP-CE

Fachin determina que denúncia contra Temer seja encaminhada à Câmara

by

O ministro do STF Edson Fachin determinou nesta quarta-feira (28) que a denúncia contra o presidente Michel Temer (PMDB) seja encaminhada diretamente à Câmara dos Deputados, sem que a defesa do peemedebista seja ouvida previamente.

Caberá à presidente do STF, Cármen Lúcia, remeter o processo aos parlamentares.

Fachin entendeu que só deveria ser apresentada a defesa jurídica ao processo no STF se a Câmara de fato autorizar o processo.

A defesa de Temer já havia pedido a Fachin que não abrisse prazo para a defesa antes da análise da autorização da denúncia pela Câmara.

Aliados do presidente no Congresso pretendem acelerar a tramitação do processo na Câmara como forma de reduzir o desgaste de Temer.

A Procuradoria-Geral da República apresentou esta segunda-feira (26) denúncia por corrupção contra Temer e o ex-deputado federal Rodrigo Rocha Loures (PMDB-PR).

O procurador-geral Rodrigo Janot havia pedido ao STF que concedesse prazo de 15 dias à defesa de Temer antes que o processo fosse remetido à Câmara. O expediente é previsto pela lei que regulamenta processos criminais em tramitação no STF.

Por ser presidente da República, Temer pode ser julgado apenas pelo Supremo. Mas, antes, é preciso que a Câmara autorize o processo.

Na Comissão de Constituição e Justiça da Câmara, a defesa do presidente terá 10 sessões para apresentar as argumentações. Após lido e discutido, o parecer será votado de forma nominal no plenário da Câmara por todos os deputados. Se 342 dos 513 parlamentares votarem a favor da abertura da ação penal, a denúncia volta ao STF, que decidirá se a aceita ou não. Por enquanto, o governo avalia que tem votos suficientes para barrar a denúncia na Câmara.

Caso seja aceita pelo STF, Michel Temer se torna réu e deverá ficar afastado da Presidência por 180 dias, período no qual não poderá ser preso. Se ao final dos 180 dias a ação não for concluída pelo tribunal, Temer volta ao cargo mesmo com o processo em andamento

Na denúncia, Janot pede que, se condenado, Temer perca o mandato.

Possível nova denúncia
É esperado que a PGR apresente ao menos uma nova denúncia contra Temer, por suspeitas do crime de obstrução da Justiça.

Relatório final da Polícia Federal entregue na segunda-feira ao STF afirma ver indícios de que Temer, Joesley Batista, presidente da JBS, e o ex-ministro Geddel Vieira Lima (PMDB) cometeram o crime de obstrução da Justiça ao participar ou incentivar pagamentos da JBS ao ex-deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ) e ao corretor Lúcio Funaro, supostamente em troca do silêncio deles à Justiça.

O inquérito contra Temer também investigou suspeitas de que o presidente tenha participado do crime de organização criminosa. Mas a PF pediu que essa apuração seja juntada ao inquérito que investiga o envolvimento da bancada do PMDB na Câmara no esquema de corrupção investigado pela Lava Jato.


27 de junho de 2017

Jovem de 18 anos morre após perder a virgindade em motel

by

Bianca Monteiro, de 18 anos, morreu ao lado do namorado em um motel em Cambé, na Região Metropolitana de Londrina, no Paraná. A jovem, segundo a polícia, passou mal após a primeira relação sexual e morreu em decorrência de uma crise convulsiva.

De acordo com informações da Polícia Civil do Paraná, o casal teria ido ao motel para comemorar uma conquista da jovem: Bianca havia feito o vestibular da segunda fase do curso de Pedagogia na Universidade Estadual de Londrina (UEL).

A Polícia Civil do Paraná informou que a jovem estava acompanhada do namorado, de 34 anos, que não teve o nome divulgado, quando teve uma crise convulsiva. Apesar de ter recebido atendimento de emergência, ela não resistiu.

“Ela era virgem. Essa foi a primeira vez dela, conforme o namorado falou e a mãe confirmou. O rapaz, com quem ela estava há 8 meses, chamou uma funcionária do motel, quando a menina começou a passar mal. Ela (Bianca) estrava trêmula e repuxando a cabeça. Um enfermeiro, cliente do motel, chegou a prestar socorro e a reanimá-la com massagem cardíaca, mas não conseguiu”, disse o delegado.

 O namorado de Bianca foi levado até a delegacia para prestar depoimento, após a morte. Mas, ele foi liberado depois que uma análise preliminar de legistas determinou que a jovem sofreu uma arritmia cardíaca. Ele relatou ao delegado que eles não haviam consumido drogas ou bebida no motel, mas a polícia afirmou ter pedido exames para confirmar o que ele disse. A policia segue investigando o caso.

Reproduzido por MassapeCeara.Com|Créditos:

22 de junho de 2017

Política: MP apura possíveis fraudes em licitações na prefeitura de Andorinha

by

O Ministério Público está investigando possíveis fraudes em licitações na prefeitura de Andorinha. Diante do avançar das investigações o Ministério Público poderá solicitar as prisões de alguns envolvidos.

Na manhã de ontem, 21, uma força tarefa do MP esteve na sede da prefeitura e vasta documentação foi apreendida.

No retorno para a Senhor do Bonfim, a equipe do Ministério Público passou na Coordenadoria Regioal de Polícia, aonde foi registrado a apreensão de material de licitação na cidade de Andorinha por se tratar de material de fraude, apreendidos no setor de licitação do município.

Ainda na delegacia foram apresentados nomes de pessoas que supostamente estariam fraudando os processos licitatórios.

Ivansilvanoticia

Top Ad 728x90